Governança

O Instituto Iguá de Sustentabilidade é uma associação sem fins lucrativos, de direito privado, constituída por iniciativa da Iguá Saneamento, empresa privada que atua gerenciando e operando sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário, distribuídos em 18 operações inseridas na vida de comunidades dos mais diferentes portes e realidade ao redor de todo o Brasil.

Fernanda de Arruda Camargo

Presidente do Conselho de Administração

Fernanda de Arruda Camargo tem 26 anos de experiência no mercado financeiro, 18 dos quais em Gestão de Patrimônio. É a idealizadora e sócia fundadora da Wright Capital Wealth Management. Até 2014 foi sócia da Vinci Partners na área de Gestão de Patrimônio. De 2003 a 2010 foi sócia da Gávea Arsenal Gestão de Patrimônio. Trabalhou na área de Global Markets do Standard Bank de 2001 a 2002. De 1995 a 2001 foi responsável pela distribuição de produtos de Capital Markets, tesouraria e produtos estruturados para empresas e institucionais no Deutsche Bank. Trabalhou no Private Bank da Merrill Lynch em São Francisco, Califórnia de 1994 a 1995. Foi uma das fundadoras do Instituto LiveWright, OSCIP dedicada a gestão do esporte olímpico no Brasil. É membro do Conselho da ONG Atletas pelo Brasil. Cursou Economia na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC) e tem cursos de extensão em Corporate Finance na University of California, Berkeley.

ver

Carlos Brandao

Carlos Brandao é Managing Director e parte do time da IG4 Capital Operations. Brandao teve uma carreira com passagens em diferentes Indústrias tais como utilities (geração, transmissão e distribuição), varejo e telecom, sempre atuando em papeis chave e estratégicos. Na sua última passagem profissional foi CFO da Oi onde foi o líder do processo de reestruturação da dívida da empresa na maior e mais complexa reestruturacao de dividas multifronteiras da América Latina até então. Os resultados desse projeto passaram pelo reequilíbrio da sua estrutura de capital, implementação de um aumento de capital e de uma nova governança através de uma base de acionistas pulverizada a partir da conversão de divida em ações e um conselho profissional de independente, construção de um novo plano estratégico e a venda de ativo problemático em Angola. Era também membro do Comitê de Gestão, do Comitê de riscos, do Comitê de Custos e Comitê de Qualidade da cia. Entre 2015-16, atuou também como responsável pela gestão do portfolio de ativos internacionais da operadora lidando com sócios e stakeholders de diferentes países da África e Ásia. E durante 2011-14 foi o diretor de estratégia da companhia onde desenhou a estratégia de atuação nos leiloes de frequência e responsável pelo desenho da estratégia de negócios da cia. Com experiência diversa em transações complexas de M&A, reestruturações de divida e operacionais e construção da estratégia corporativa, Brandão também atuou em projetos dessa natureza na sua passagem pelo grupo Energisa, Furnas e Sendas. Brandao tem graduação em administração pela Universidade Federal de Juiz de Fora, Especialização em estatística também pela UFJF e Mestrado em administração com ênfase em finanças corporativas pelo IBMEC.

ver

Gesner Oliveira

Gesner Oliveira é doutor em Economia pela Universidade da Califórnia (Berkeley), sócio da GO Associados, Professor de Economia da Fundação Getúlio Vargas São Paulo e Coordenador do Grupo de Economia da Infraestrutura & Soluções Ambientais da FGV. Ex-Presidente da Sabesp (2006-10), ex-Presidente do Cade (1996-2000) e ex-Secretário de Acompanhamento Econômico no Ministério da Fazenda (1995) e Subsecretário de Política Econômica (1993-95). É colunista do Programa Primeira Hora e Bastidores do Poder da Rádio Bandeirantes, colunista da Agência Estado/Broadcast e portal do UOL. Eleito o Economista do Ano de 2016 pela Ordem dos Economistas do Brasil (OEB).

ver

Paula Violante

Paula Violante possui sólida experiência em mobilização de contratos de concessão em diversas modalidades (concessões plenas, PPPs), renegociação de reequilíbrios contratuais junto a agências reguladoras municipais, regionais e estaduais, além de implementação de projetos de redução de perdas com resultados concretos em várias cidades , como Limeira/SP, Cachoeiro de Itapemirim/ES , obras de ampliação de água e esgoto e seus respectivos financiamentos. Engenheira química (Universidade Federal de São Carlos ), mestre em hidráulica e saneamento pela Universidade de São Paulo, com especialização na França (Cirsee). Atuou por 22 anos na Odebrecht/Suez nos diversos contratos de saneamento nas áreas de engenharia, operações de água e esgoto e direção de contratos (Limeira, Cachoeiro Itapemirim, Centro de operações regional, Porto Ferreira, Rio Claro e Santa Gertrudes). Especialista em due diligence para avaliação e aquisição de novos negócios. Participação no grupo de elaboração da portaria 11.445 para potabilidade de água para consumo humano. Relatora da norma ABNT referente ao uso de sais de fosfato na água para consumo humano.Examinadora, examinadora relatora e examinadora senior pela Fundação Nacional da Qualidade, e Prêmio Íbero Americano, no período de 2001 a 2007.

ver

Paulo Mattos

Paulo Mattos é co-fundador, Managing Partner e CEO da IG4 Capital. Antes de fundar a IG4 Capital, Paulo foi sócio da RK Partners, uma empresa de consultoria especializada em reestruturações de dívidas e turnarounds operacionais e Managing Director da GP Investments, uma empresa líder em investimentos alternativos na América Latina. Na GP Investments, Paulo foi Head de Investimentos em infraestrutura e telecomunicações e atuou no Comitê de Investimentos (2012-2016). Ele foi o fundador da BR Towers S.A., a primeira grande empresa brasileira independente de torres de celular, na qual atuou como Presidente do Conselho de Administração (2012 a 2014), que foi posteriormente vendida para a American Tower Corporation. Antes de ingressar na GP Investments, Paulo foi Vice Presidente Executivo de Estratégia de Negócios, Atacado e Regulatório da Oi S.A (2009-2012), a maior empresa de telecomunicações do Brasil na época. Na Oi, atuou no Comitê Executivo, no Comitê de Riscos Financeiros e no Comitê de Operações. Paulo também trabalhou no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) como Diretor-Superintendente, além de ser membro do Comitê de Crédito e Investimento e Chefe do Comitê Gerencial (2007-2009). Atualmente, Paulo é Presidente do Conselho de Administração da Iguá Saneamento SA (2017-), uma das principais empresas privadas de água e saneamento do Brasil, e Membro do Conselho da OPY Health SA (2019-), empresa de saúde que fornece infraestrutura e logística para hospitais e operadoras de serviços médicos, na qual a IG4 Capital é a acionista controladora. Paulo é um venture capitalist e co-fundador da Capital Lab Ventures, uma plataforma formada com capital proprietário para investimentos em venture capital focada em Telecomunicações, Mídia e Tecnologia - TMT. Além disso, é co-fundador e membro do Conselho do Instituto Iguá, uma organização social sem fins lucrativos focada em promover novas tecnologias e educação para um acesso sustentável à água e ao saneamento. Ele também é membro do Conselho Fiscal da Associação Universitária Interamericana - AUI, um grupo educacional sem fins lucrativos que opera escolas no Brasil. Paulo possui J.D. e Ph.D em Direito pela Universidade de São Paulo (USP), foi Fullbright Visiting Scholar na Universidade de Yale e é Visiting Fellow no King's College London. É membro permanente do Conselho de Administração do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento - CEBRAP e ex-professor associado da Fundação Getulio Vargas - FGV, think tanks de referência em políticas públicas e administração de empresas.

ver

Péricles Weber

Péricles Sócrates Weber atua no setor de saneamento há mais de 30 anos. Ocupou a Diretoria de Meio Ambiente e Ação Social na Companhia de Saneamento do Paraná - Sanepar, também pela Sanepar teve atuações como gerente de operações de sistemas de água e esgoto; gerente de meio ambiente e qualidade, e engenheiro de pesquisa em bioenergia. Ex-bolsista do British Council - Reino Unido, do NUFFIC - Holanda e do Fulbright Comission - Estados Unidos.

ver

Ricardo Voltolini

Ricardo Voltolini é jornalista, com MBA em Marketing pela FIA. Iniciou sua carreira na redação de revistas como Playboy e Placar e em jornais como Jornal da Tarde e a Folha de S. Paulo. Consultor de sustentabilidade, fundou, em 1993, a Oficio Plus Comunicação, empresa que em 2004 passaria a se chamar Ideia Sustentável – Estratégia e Inteligência em Sustentabilidade, com atuação em consultoria, educação e gestão de conhecimento em sustentabilidade. É um dos primeiros consultores especializados em sustentabilidade empresarial, tendo atendido, nos últimos 15 anos, mais de 350 empresas, entre as quais ABB, ABRH, AES Brasil, Accor, Alcoa, Algar, Amcham, Banco do Brasil, Aperam, Bayer, Bradesco, Braskem, Brookfield, Caixa, CBIC, Cielo, Claro, Cemar, CPFL, Concremat, Copel, CTG Energia, Duratex, Eurofarma, Even, Fiat, Embraer, FIESP, FIEMG, FIEG, FIEPA, FIRJAN, FIEP, FIERGS, FIESC, Fecomercio-RS, Fibria, Fundação Espaço Eco, Fundação Odebrecht, Fundação Bradesco, Grupo Silvio Santos, Hospital Beneficência Portuguesa, Instituto Avon, Instituto Renner, Instituto Votorantim, Itaipu Binacional, Lojas Renner, Monsanto, Natura, Norsul, Petrobras, Philips, Saab-Coca-Cola, Sabesp, Sanasa, Sanepar, Santander, SESI-SP, SENAC-SP, SENAC-PR, SESC-SP, SESC-RJ,SEBRAE, SESCOOP, SICREDI, Siemens, Schneider Electric, Special Dog, Suzano Papel e Celulose, Tetra Pak, Triunfo, TV Globo, Ultragaz, Unilever, Unimed Brasil, Vivo/Telefónica, Volvo, Votorantim, Whirlpool. Já realizou mais de 1000 palestras. É mentor e coach de líderes empresariais de sustentabilidade. É conselheiro, membro do Comitê de Sustentabilidade, do Grupo Iguá de Saneamento. É conselheiro do Centro Sebrae de Sustentabilidade. É diretor de Sustentabilidade da ABRH Brasil. É conselheiro da ABRAPS e da Virada Sustentável. Foi consultor do Programa Ação e hoje é consultor de Responsabilidade Social da TV Globo. Foi comentarista da TV Cultura (2004 e 2006) e articulista da Gazeta Mercantil (2005-2009).

ver

Direção Executiva

Renata Ruggiero Moraes

Diretora Presidente do Instituto Iguá

Formada em Economia pela Universidade de São Paulo (FEA-USP) e com pós-graduação em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Ao longo dos últimos 19 anos, atuou como executiva a frente das áreas de Sustentabilidade, Comunicação e Desenvolvimento Organizacional de grandes empresas, tais como Banco Real (atual Banco Santander) e Racional Engenharia. Participou da criação da Ideal Invest, fundo de investimento de impacto, voltado para o financiamento da educação superior no Brasil. Também atuou na liderança de projetos de sustentabilidade junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e foi sócia-fundadora e presidente do Projeto LACE, organização sem fins lucrativos com foco no desenvolvimento de crianças e adolescentes por meio do lazer, arte, cultura e educação. Ao longo dos últimos 2 anos, assumiu a direção executiva do Instituto Reciclar, tendo sido responsável pela transição de seu modelo de atuação e pela gestão de seu fundo endowment. Atualmente, é Diretora Presidente do Instituto Iguá.

ver